Pesquisar este blog

Carregando...

sábado, 31 de março de 2012

Estudante morre eletrocutado em lava-rápido em Campinas

Um estudante de 19 anos morreu eletrocutado na tarde do último sábado (24), em um lava-rápido, no bairro DIC V de Março, em Campinas.
Segundo vizinhos, o jovem Gustavo Antunes Santos de Almeida, não trabalhava no local, mas ocasionalmente ajudava a lavar carros e motos nos finais de semana.
Segundo a polícia, a costureira Sinezia de Lima Souza, 51, que é vizinha da família de Gustavo, contou que o jovem lavava um carro quando recebeu uma descarga elétrica da máquina tipo Vap e logo em seguida caiu no chão.
De acordo com os vizinhos, Gustavo tirou a bota de borracha que vestia por alguns minutos e encostou na máquina, momento em que levou o choque.
Segundo a polícia, o jovem foi levado pelo SAMU ao PS do Hospital Ouro Verde e durante 50 minutos os médicos tentaram reanima-lo, mas não houve sucesso e Gustavo não resistiu. O corpo do estudante passou por exame necroscópico, pois a morte foi considerada suspeita.
Fonte: RAC.com.br

DOIS MORREM eletrocutados em menos de 24hs na capital

Duas pessoas morreram eletrocutadas nas últimas 24 horas em Teresina, uma no bairro Três Andares, zona Norte e outra na zona Sul da capital, mais precisamente no bairro São Joaquim.
O primeiro incidente aconteceu ainda na noite de ontem. A chuva que caiu na noite desta quinta-feira (29/03) derrubou uma árvore, que por sua vez caiu sobre um fio de alta tensão.
Os populares acionaram a Eletrobras, mas antes que o reparo fosse feito, um homem acabou tocando no fio e morreu eletrocutado. Um cachorro também acabou morrendo. Os populares disseram em entrevista à TV Meio Norte que a Eletrobrás teria negligenciado o caso.
Em nota a empresa se esclareceu. “A Eletrobras Distribuição Piauí vem a público informar que na noite de ontem (29), durante as fortes chuvas e ventos ocorridos na capital, uma árvore de grande porte caiu sobre a sua rede de distribuição e provocou o rompimento de um cabo da rede elétrica vitimando uma pessoa na zona norte de Teresina.
Ao tempo em que lamenta a ocorrência desta fatalidade, manifesta total solidariedade e condolências à família enlutada, informando que a empresa esta prestando assistência à família da vítima.
Esclarece, ainda, que a demora no restabelecimento do fornecimento de energia, se deu em razão da preservação do local, até que as autoridades policiais pudessem realizar o seu trabalho.”

CASO NA ZONA SUL
Já na tarde desta sexta-feira (30/03), Diônatas Batista da Maia, de 31 anos, morreu depois que foi vítima de um choque elétrico o fazendo cair de um poste onde fazia reparos. Sem a devida segurança, o homem caiu e teve ferimentos graves e traumatismo craniano.
A suspeita é de que ele tenha sofrido uma descarga muito forte. Mesmo com a queda, o homem permaneceu com o alicate na mão. O Corpo de Bombeiros foi acionado e isolou a área do acidente. O cadáver foi removido por uma equipe dos Instituto de Medicina Legal.
Fonte: 180graus 30/03

Mulher leva choque elétrico em geladeira e morre em Sorocaba, SP

Uma mulher de 25 anos foi encontrada desacordada na cozinha de sua casa na tarde desta terça-feira (30) no bairro Árvore Grande, em Sorocaba (SP). Carina Michelacci Spezzotto chegou a ser socorrida, mas morreu a caminho do hospital. Segundo o boletim de ocorrência, o marido da vítima chegou em casa por volta das 13h e encontrou a mulher desacordada ao lado da geladeira, com um dos braços embaixo do eletrodoméstico.
De acordo com o Corpo de Bombeiros, familiares da vítima disseram que ela estava tentando pegar um objeto embaixo da geladeira quando recebeu uma grande descarga elétrica. Os bombeiros não souberam informar, no entanto, se a mulher estava sozinha no momento do acidente.
O Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência) foi acionado e, com o apoio dos bombeiros, socorreu a mulher. De acordo com a assessoria do Conjunto Hospitalar de Sorocaba, os socorristas tentaram reanimar a vítima por 35 minutos, mas ela já chegou sem vida ao hospital.
Um laudo Instituto Médico Legal deverá revelar detalhes da causa da morte.
Fonte: G1 - Sorocaba 30/03

sexta-feira, 30 de março de 2012

Homem morre eletrocutado ao mexer em poste na Vila da Paz

Um homem identificado como Dionatas Batista Damaia, 32 anos, morreu nesta sexta-feira(30), por volta do meio-dia, após sofrer uma descarga elétrica e cair do poste na rua Uruçui, no bairro Vila da Paz, zona Sul de Teresina.
Segundo o bombeiro V. Cruz, que chegou três minutos depois da queda, Dionatas pode ter morrido por conta do traumatismo craniano provocado pela queda.
A suspeita é que ele estava fazendo uma ligação clandestina, quando sofreu um choque e caiu do poste.
Os familiares estavam muito abalados e não quiseram der entrevistas. Dionatas morava no bairro Três Andares, na zona Sul.
O corpo de bombeiros estava no local a espera do Instituto Médico Legal (IML).
Fonte: Cidade verde 30/03

quinta-feira, 29 de março de 2012

Homem que trabalhava na obra iluminação do DB morre eletrocutado

O eletricista Edvaldo Pereira Amorim, 53, natural do Estado da Bahia, morreu eletrocutado na tarde desta terça-feira (27), enquanto trabalhava na iluminação do Supermercado DB do Nova Cidade. Segundo o vice-presidente do Sindicato dos Trabalhadores da Construção Civil (Sintracomec), Cícero Custódio, a vítima estava sem equipamentos de segurança.
Edvaldo foi socorrido e levado ao Serviço de Pronto Atendimento (SPA) do Galiléia, mas já chegou sem vida.
O eletricista trabalhava para a empresa terceirizada Urgências Elétrica que presta serviços de construção para o grupo DB. Segundo o proprietário da empresa, Francisco Assis, os equipamentos de segurança estavam disponíveis no almoxarifado e o caso foi uma fatalidade. "Nós estamos tomando todas as providências cabíveis", explicou.
Fonte: D24horas

terça-feira, 27 de março de 2012

Homem morre eletrocutado no Sertão de Pernambuco

Um homem morreu eletrocutado depois de bater com um ferro na rede de alta tensão. De acordo com a polícia, o acidente aconteceu quando Givanildo Manoel da Silva, de 32 anos, instalava a placa de uma pousada, na PE-292, em Afogados da Ingazeira, Sertão de Pernambuco.
A vítima teria recebido uma descarga elétrica de cerca de 15 mil volts e caído de uma altura de sete metros. O trabalhador ainda foi socorrido para o Hospital Regional Emília Câmara, no Alto Bela Vista, mas não resistiu
Fonte: Diário de Pernambuco 27/03

Homem morre eletrocutado em São Leopoldo

Um homem morreu ao ser eletrocutado enquanto realizava a manutenção na rede elétrica em São Leopoldo. O acidente ocorreu na tarde deste sábado, 24. Segundo a Brigada Militar, Diemes Robison Cardoso, 32 anos, estava encostado em um caminhão estacionado na Avenida Feitoria, no bairro de mesmo nome, quando um fio arrebentou e caiu sobre o veículo.
Conforme informações da BM, ele era funcionário de uma empresa terceirizada e levou duas descargas elétricas. Outros dois trabalhadores que estavam no local e presenciaram o acidente não se feriram.
Fonte: Gaz.com.br

Um homem e três crianças de uma mesma família são mortas atingidas por raio

Quatro pessoas de uma mesma família morreram depois de serem atingidas por um raio. O acidente aconteceu na tarde de ontem na comunidade de Itabocal, próximo à cidade de Irituia, no Pará. Os mortos serão sepultados nesta segunda-feira.
De acordo com a polícia, as vítimas são um homem de 30 anos e três crianças de 13, 9 e 7 anos. Segundo as investigações, as meninas estavam colhendo pequi, quando começou a chover e ventar forte. Todos foram se proteger em debaixo da árvore, que foi atingida pelo raio.
Uma adolescente que estava com o grupo também levou uma descarga elétrica mas foi socorrida ao hospital e está fora de risco de morte.
Fonte: Pernambuco.com

sábado, 24 de março de 2012

Guarda municipal controla incêndio em loja na Avenida Amaral Peixoto.

Quem passava pela Avenida Amaral Peixoto, na manhã de hoje, por volta das 8h, levou um susto ao ver a fumaça saindo do toldo da sapataria Anelise Calçados. O incêndio causado por um curto-circuito foi rapidamente contido por um guarda municipal, que trabalha no Centro comercial. Everaldo Bertuci tinha acabado de chegar à rua, quando ouviu a informação pelo rádio de comunicação da Guarda.
- Quando soube do fato, saí do meu posto e fui para a loja. Quando cheguei ao local, não havia nenhum funcionário do estabelecimento. Então, pedi orientação dos populares para saber onde estavam as chamas. Logo em seguida, um empregado chegou e entramos na sapataria. Fomos até o segundo andar, até o ponto do incêndio, e conseguimos conter o fogo na rede elétrica - relatou.
Eduardo Negro, representante comercial, estava na Amaral Peixoto na hora do incidente. Ele contou que o procedimento adotado por Bertuci ajudou a evitar o pânico:
- Ao mesmo tempo em que ele procurava saber onde estava o incêndio, orientava o trânsito. Se o guarda não tivesse chegado naquele instante, com certeza as chamas poderiam ter se espalhado.
O subgerente da sapataria, Vinícius Santagueda Moreira, auxiliou a entrada do agente no imóvel.
- Quando cheguei, ele já estava na porta. Fiquei nervoso, mas ele agiu com tranquilidade, tudo aconteceu rápido. Tenho certeza de que ele foi fundamental para não haver perdas. Logo os bombeiros chegaram, só que tudo estava controlado. Como o incêndio não destruiu nada, a loja pôde abrir normalmente - falou.
Uma carta feita pelos funcionários da loja foi entregue a Everaldo Bertuci. Ele, há 22 anos faz parte da corporação e tem em seu currículo outro salvamento. Em 19 de janeiro deste ano, durante a enchente na Vila Santa Cecília, Bertuci conseguiu retirar algumas pessoas presas nos veículos e amarrar carros nos postes, evitando assim que fossem levados pela enxurrada.
De acordo com o agente, qualquer pessoa pode ter a mesma atitude, porém é preciso treinamento.
- O meu objetivo é cumprir o dever de ajudar as pessoas. Nos anos como guarda municipal participei de várias capacitações, até me formei bacharel em direito. O melhor reconhecimento é quando as pessoas na rua me param para cumprimentar e parabenizar - disse.
Fonte: Diário do Vale 24/03

Pane elétrica no Hemocentro Regional de Araguaína provoca transtorno e causa prejuizo ao estoque de sangue

Por volta das 15:30 hs dessa quinta-feira, 22, um curto circuito no disjuntor geral do quadro de distribuição de energia interrompeu o fornecimento de eletricidade, por um período de 3 horas e meia, no Hemocentro Regional de Araguaína, causou transtorno aos doadores e colocou em risco o estoque de sangue, que é armazenado em refrigeradores. Ainda houve o extravio de plaquetas de sangue, pois esses elementos dependem de agitadores que funcionam à eletricidade para a conservação.

A burocracia
O problema seria resolvido antes, mas ao ser constato a causa da falta de energia, iniciou a correria contra o relógio e foi esbarrada na burocracia. Segundo uma fonte, como o Hemocentro não foi terceirizado, para aquisição do disjuntor, que custava aproximadamente 400 reais, seria necessário a autorização da diretoria em Palmas e uma licitação, mas não havia tempo hábil.
De acordo com a informação, diante do impasse uma solicitação de compra foi emitida e encaminhada à Pró-Saúde, empresa que administra a Saúde no estado, mas o pedido não foi atendido imediatamente. O informante ainda disse que somente após ameaçarem chamar a imprensa, que a peça foi comprada e resposta no final da tarde, por volta das 18:00 hs.
O transtorno
A reportagem apurou que no momento da pane elétrica, havia vários doadores na fila de espera e na sala de coleta foi um transtorno com a paralisação de equipamentos que dependem da energia para funcionar como o Hemomix, aparelho responsável por dar movimento a bolsa que armazena o sangue, para evitar a coagulação. O serviço precisou ser feito manualmente e um cartaz fixado na porta avisava “Fechado por falta de energia”.

O desfecho
O Hemocentro ficou fechado durante toda a tarde, os doadores que estavam na fila foram liberados, os funcionários permaneceram até as 17: 30hs, quando receberam autorização para irem para casa e não houve perca de sangue, pois os refrigeradores permaneceram fechados para manter a temperatura. A reportagem procurou a coordenadora do HEMARA, Vânia Parente, e os representantes da Pró Saúde, mas ninguém foi encontrado para falar sobre o ocorrido. O espaço permanece aberto para a manifestação de ambas as partes.
Fonte: Surgiu.com.br 23/03

Curto-circuito causa incêndio em empresa

Um curto-circuito causou um incêndio em uma empresa de medicamentos manipulados, no bairro Reneville, em Mairinque, região de Sorocaba, na noite desta quinta-feira (22), segundo informações da TV TEM.
De acordo com o Corpo de Bombeiros, o fogo começou no depósito da empresa e não havia ninguém no local. Caixas de papelão e tampas de plástico foram queimadas.
Parte da estrutura do prédio também foi abalada. Depois de uma hora e meia de combate ao fogo, os bombeiros conseguiram controlar as chamas.
Fonte. Rede Bom dia 23/03

Jovem morre eletrocutado no bairro Jardim Imperial

Um auxiliar de serviços gerais morreu na tarde de ontem (22), após receber uma descarga elétrica quando realizava a limpeza em uma empresa, no bairro Jardim Imperial.
O Corpo de Bombeiros foi solicitado por volta das 14h30, e esteve na av. Avenida José Ananias de Aguiar, onde uma testemunha informou que o jovem Delimar Martins Rodrigues, de 27 anos, havia sofrido a descarga elétrica, enquanto limpava uma máquina.
A vítima chegou a receber os primeiros socorros dos bombeiros, mas não resistiu e veio a óbito ao dar entrada na Santa Casa de Misericórdia. O corpo de Delimar foi encaminhado para o Instituto Médico Legal (IML).
O jovem deixou a mulher e um filho de quatro anos de idade.
Fonte: Diário de Araxá 23/03

quarta-feira, 21 de março de 2012

Apagão deixa 27 bairros de Sertãozinho sem energia elétrica

Uma interrupção de energia deixou 27 bairros de Sertãozinho apagados na manhã desta terça-feira (20). De acordo com a CPFL Paulista, o problema foi um curto-circuito na subestação Humaitá, que causou interrupção para 16.474 unidades consumidoras de Sertãozinho.
A companhia informou que o desligamento teve início às 8h38 e às 9h30 a energia foi restabelecida. Com a interrupção, seis poços artesianos da cidade foram afetados, o que também gerou falta de água em alguns bairros.
Fonte: Jornal A Cidade 20/03

Homem morre eletrocutado em Fazenda no Araguaia

O operador de colhedeira Gilfran Rosalvo Araújo de 36 anos, morreu eletrocutado na manhã do último sábado (17) enquanto trabalhava na fazenda Guapeva há 15 km de Bom Jesus do Araguaia.
Segundo a Polícia Civil de Bom Jesus o acidente aconteceu por volta das 10:30 hs da manhã. De acordo com os policiais, Gilfran teria parado a maquina para olhar se a tampa do tanque de combustível da colhedeira estaria aberta, porém por uma infelicidade a maquina estaria em baixo de uma rede de alta tensão, sem perceber ele teria batido o pescoço no fio de energia o que levou a morte instantânea devido ao forte descarregamento de energia elétrica.
Os policias fizeram a perícia e agora aguardam os dados que serão analisados pela POLITEC de Água Boa.
Gilfran Rosalvo Araújo foi enterrado neste domingo as 17h00min em Canabrava do Norte onde moram os pais.
Fonte: CenarioMT 20/03

Adolescente morre eletrocutado ao sair de piscina em Alagoinhas

Um adolescente morreu depois de receber uma descarga elétrica ao sair de uma piscina em um espaço de eventos no município de Alagoinhas, a 107 km de Salvador. Thalisson Acassio Silva Carvalho, 16 anos, estava com amigos quando foi eletrocutado, neste sábado (17).
Segundo informações do site Voz da Bahia, amigos do adolescente afirmaram que ele deixou a piscina e se apoiou na armação de metal de um toldo que estava bem próximo. Eles acreditam que o toldo estava energizado por um fio sem proteção.
Thalisson foi socorrido pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgância (Samu) e encaminhado para o Hospital Regional Dantas Bião, mas acabou morrendo. A Delegacia de Polícia do município investiga as circunstâncias da morte do adolescente.
Fonte: Correio 19/03

domingo, 18 de março de 2012

Homem morre eletrocutado ao tentar roubar fios em Bragança Paulista

Um homem morreu eletrocutado quando tentava retirar fios de um poste, hoje (15) de manhã, em Bragança Paulista. 
Quando a polícia chegou ao bairro Tanque do Moinho, um outro homem que estava em um carro próximo ao poste confessou que o amigo dele tentava roubar os fios, quando tomou uma descarga elétrica e morreu. 
O amigo da vítima foi levado para a delegacia para prestar depoimento.
Fonte: Vnews 15/03

Rapaz acaba eletrocutado durante trabalho em construção

O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) e o Corpo de Bombeiros foram acionados na manhã deste sábado, 17, para socorrer um rapaz que foi eletrocutado enquanto trabalhava em uma obra na região central da cidade.
De acordo com informações dos bombeiros, o rapaz iria subir algumas barras de ferro para a parte superior da construção, onde seria realizada a cobertura da obra, e durante o procedimento, o trabalhador identificado como Juscelino, foi eletrocutado, pois a barra de encostou na rede elétrica.
Durante o atendimento do SAMU Juscelino recobrou a consciência e foi encaminhado para o Hospital Regional Irmã Elsa Giovanella.
Fonte: 24horasNews 17/03

sábado, 17 de março de 2012

Fogo destrói a antiga fábrica de pregos nas Quintas

O curto circuito numa máquina de triturar tecido, segundo um empregado da empresa de reciclagem HB Metais, nas Quintas, provocou o incêndio que destruiu todo o prédio. O fogo começou às 16h30 de ontem e entrou pela noite. Marcos Avelino Messias disse que "o fogo subiu rápido" e não deu tempo para pegar o extintor e, assim, tentar debelar as primeiras fagulhas do incêndio.
Marcos Messias confirmou que há dois anos houve um incêndio no mesmo local, um prédio onde funcionou uma fábrica de pregos e, posteriormente, a antiga loja de eletrodomésticos Socic, que teria sido causado por outro curto-circuito, de um ventilador.
O depósito onde funcionava uma reciclagem de material plástico e resíduos de tecido fica na rua Mário Negócio, esquina com a rua Luís Sampaio, ao lado do Hospital Luiz Antonio e em frente a um posto de combustível.
Os bombeiros tiveram de usar todas as viaturas disponíveis para debelar e executar o rescaldo do incêndio com água, contando inclusive com o auxílio de um caminhão-tanque da Marinha do Brasil.
Um soldado do Corpo de Bombeiros Militar do Rio Grande do Norte que não quis se identificar, falou das dificuldades da corporação em trabalhar numa cidade que está em franco crescimento, por causa do pouco número de viaturas: "Se houvesse na mesma hora um incêndio de média proporção, a gente não tinha condições de ir ao outro local".
Durante o início do incêndio, trabalhavam no local seis funcionários da HB Metais, todos saíram correndo e ninguém se feriu. O proprietário do depósito de reciclagem não estava em Natal, encontra-se em Fortaleza (CE) a negócios.
Fonte: tribuna do Norte 17/03

Homem morre atingido por um raio enquanto pescava em fazenda

Um homem morreu na tarde desta terça-feira (13) ao ser atingido por um raio enquanto pescava em uma fazenda próxima ao município de Itanhangá. De acordo com a Polícia Militar, a raio atingiu três pessoas que procuravam abrigo em uma árvore durante uma forte chuva.
Segundo a PM, a chuva começou enquanto o rapaz de 27 anos e mais duas pessoas pescavam. Eles tentavam se abrigar perto de uma árvore quando o raio atingiu o local. O rapaz de 27 anos morreu e as outras vítimas ficaram feridas.
A Polícia Militar foi acionada e foram próprios soldados que levaram as vítimas para um hospital do município. O soldado Erivelto Texeira ajudou no resgate e afirmou que as outras duas pessoas atingidas pelo raio passam bem. “Quando chegamos no local a vítima já tinha falecido por conta do raio, mas as outras duas pessoas sobreviveram e só tiveram ferimentos leves”, afirmou o soldado da PM, EriveltoTeixeira.
Fonte: MT agora 16/03

Caldeireiro morre eletrocutado em fábrica de cimento

O caldeireiro Valdir Silva de Melo, 37, morreu eletrocutado dentro da fábrica de cimento Nassau, em Nossa Senhora do Socorro. O acidente aconteceu nesta sexta-feira, 16, no momento em que o operário trabalhava, fazendo a manutenção de um equipamento identificado como eletrofiltro, segundo informam diretores do Sindicato dos Trabalhadores na Indústria de Cimento, Cal, Gesso e Cerâmica do Estado de Sergipe.
Na concepção dos dirigentes do Sindicato e também da família, houve negligência da empresa uma vez que, no momento em que se realiza a manutenção, o equipamento deve estar desligado. “Tenho experiência porque sou caldeireiro aposentado, trabalhei muito tempo com isso, e sei que houve alguma falha”, comenta, com tristeza, o aposentado José de Melo, pai da vítima. “Alguém ligou o equipamento, que deveria estar desligado no momento em que se faz manutenção”, complementa.
A vítima trabalhava na fábrica há cinco anos, segundo o pai. Valdir Silva chegou a ser socorrido no ambulatório médico da própria empresa e foi conduzido para o Hospital de Urgência de Sergipe (Huse), onde o corpo foi resgatado. Os dirigentes do sindicato desconfiam que o operário faleceu ainda nas dependências da empresa.
O presidente do Sindicato, Heribaldo Rodrigues Campos, e o diretor Djenal Prado acompanham os familiares e advertem para problemas de falta de segurança na fábrica. “Sabemos que a fábrica possui vários procedimento de segurança, mas quando a empresa fica parada para a manutenção dos equipamentos, eles descumprem as medidas de segurança para não baixar a produção”, denuncia o presidente Heribaldo Rodrigues.
Ele informou que a assessoria jurídica do Sindicato acompanhará a questão para verificar o que efetivamente ocorreu e adotar providências jurídicas necessárias.
O Portal Infonet tentou ouvir a fábrica Nassau, mas não localizou representantes. O Portal permanece à disposição para publicar a versão da fábrica.
Fonte: Infonet 16/03

Centro de Santo André fica sem luz por quase quatro horas

A falta de energia elétrica mais uma vez voltou a prejudicar comerciantes e prestadores de serviço da região central de Santo André. Na tarde desta quinta-feira (15), por volta das 14h10, a fiação de um poste localizado na rua Elisa Fláquer entrou em curto-circuito, e deixou sem luz usuários das ruas Álvares de Azevedo, Gertrudes de Lima, Monte Caseros, além de trecho da avenida Portugal. O Paço Municipal também foi afetado.
O incidente foi provocado pelo rompimento de uma cruzeta, suporte de madeira utilizado para isolar os fios de alta tensão. O curto-circuito provocou três fortes estrondos.
A previsão inicial da AES Eletropaulo era que o problema fosse resolvido até as 16h40. Depois, a previsão mudou para 17h30. Às 17h50 a energia elétrica foi restabelecida.
Quem tem comércio na região contabilizou prejuízos e reclamações. “Estamos preocupados, nós temos as máquinas que dependem da energia”, afirmou Miriam Panissa, proprietária de sorveteria na rua Elisa Fláquer, apreensiva durante a falta de luz. “Já registrei tudo. Qualquer coisa, se estragar meus produtos, vou atrás da Eletropaulo”, diz a comerciante.
“Não é a primeira vez que isso acontece. Já chegamos a ficar de três a quatro horas sem energia”, afirmou Adriana Pieralini, proprietária de lanchonete localizada na mesma região. “Quem paga o prejuízo é a gente mesmo. Não tem o que fazer”, acredita Adriana.
Esta é pelo menos a terceira vez apenas em 2012 que a falta de luz afeta a região central de Santo André. Em janeiro, um galho caiu de uma árvore localizada na rua Álvares de Azevedo e atingiu a fiação elétrica, provocando curto-circuito, e desabastecimento na região. Em fevereiro, outra queda de galho provocou problema semelhante.

Manutenção preventiva poderia evitar problema
Parte dos problemas recorrentes de falta de luz poderia ser evitada, de acordo com especialistas. O professor de Engenharia Elétrica do Centro Universitário da FEI, Reinaldo Lopes, diz que imprevistos podem acontecer, mas ressalta que a falta de investimentos em manutenção faz aumentar os riscos de incidentes.
“De uma maneira geral, manutenção é sempre despesa, é considerada gasto desnecessário”, afirma. “A manutenção deve ser atuante, o que as empresas fazem é uma ação corretiva”, avalia o engenheiro.
O professor da FEI aponta, ainda, que a utilização de fiação subterrânea pode diminuir a ocorrência de curtos-circuitos, responsáveis pela série de problemas registrada na região central de Santo André. “No centro expandido de São Paulo, onde a fiação elétrica é subterrânea, esse tipo de problema quase não ocorre”, afirma.
Consumidor pode pedir ressarcimento
De acordo com o Procon, nos casos em que a queda de energia provoca danos a algum aparelho, o consumidor deve procurar a concessionária de energia para solicitar o ressarcimento. A indenização é prevista em resolução da ANEEL (Agência Nacional de Energia Elétrica).
O prejuízo de quem tem comércio, no entanto, pode ser maior. A falta de energia – mesmo que não resulte em equipamentos queimados –, tem efeitos negativos: queda nas vendas e produtos que podem estragar, por exemplo. Neste caso, o caminho pode ser a Justiça.
“O cliente tem o direito de ser ressarcido de todos os prejuízos”, garante a diretora do Procon de Santo André, Ana Paula Satcheki. “Por ser responsabilidade objetiva do prestador de serviço, basta ao consumidor provar o dano. Como aconteceu queda de energia é inegável que houve prejuízo”, garante.
Investimentos
Em nota, a AES Eletropaulo informou que possui "amplo programa de manutenção de sua rede em todos os 24 municípios de sua área de concessão". Nesta semana, a empresa divulgou balanço de investimentos de 2011. De acordo com a companhia, foram investidos R$ 738,7 milhões no ano passado “na busca contínua pela melhoria dos indicadores operacionais”. O montante representa crescimento de 8,5% em comparação ao ano anterior.
Fonte: Reporter Diário 17/03

quinta-feira, 15 de março de 2012

Curto-circuito provoca incêndio e estrutura de residência é destruída na Capital

Um curto circuito por volta de 12h desta quarta-feira (14), segundo uma das vítimas, seria a causa de um incêndio que destruiu toda a estrutura de uma casa na rua Luis Cardoso Aires, bairro Buriti, em Campo Grande.
O fogo atingiu principalmente o quarto em que estaria uma idosa de 81 anos e posteriormente em outro cômodo, provocando queimaduras nas duas vítimas, que foram encaminhadas ao Posto de Saúde do bairro Guanandi.
De acordo com Juliana Fernanda de Oliveira, 21 anos, parente das vítimas, a sua avô teve queimaduras nas costas, braços e na testa. A tia queimou um dos braços e, um sobrinho, que estava dormindo na hora do incêndio, não obteve ferimentos.
Para apagar o fogo, o Corpo de Bombeiros utilizou cerca de três mil litros de água. “No total são seis cômodos e apenas um não foi atingido. O forro da casa, que é de madeira, e todos os materiais plásticos e inflamáveis foram destruídos”, explicou o Capitão André Vitório Munhoz, do 1° GB (Grupamento dos Bombeiros).
Após controlar o fogo, os militares retiraram todo o teto. “Os materiais que possuem um risco alto de desabar foram retirados. Agora é o período de rescaldo, em que a estrutura danificada é eliminada. Aconselhamos os proprietários a contratarem um engenheiro para ver o que ainda pode ser aproveitado nesta estrutura”, alerta o capitão.
Fonte: MidiaNews 14/03

terça-feira, 13 de março de 2012

asal morre eletrocutado ao tentar instalar antena parabólica, diz polícia

Os corpos de um homem e uma mulher foram encontrados na tarde deste sábado (25) em uma chácara de São João da Boa Vista, interior de São Paulo. A Polícia Civil acredita que o casal morreu eletrocutado quando tentava instalar uma antena.
O proprietário do local encontrou os corpos das vítimas, que haviam alugado a chácara para morar.
De acordo com o delegado José Gregório Barreto, a suspeita é que eles foram instalar uma antena parabólica quando encostaram na rede elétrica e levaram a descarga.
A polícia acredita que o acidente tenha ocorrido há quatro dias. Os corpos foram levados para o Instituto Médico Legal (IML) de Mogi Guaçu.
Apenas o corpo do paulistano Carlos José Borges, de 62 anos, foi identificado. As informações são do G1.
Fonte: Correio 25/02

Indígena morre eletrocutado na aldeia Bororó em Dourados

O índio Antonio Ferreira, 42 anos, morador na casa 68, da aldeia Bororó, localizada na reserva indígena de Dourados, morreu por volta das 18h30 de ontem, após receber uma forte descarga elétrica ao tocar em uma árvore que estava ao lado de um poste de energia em chamas.
Segundo declarações de familiares, a vitima estava em casa quando ocorreu um oscilação de energia e o poste que fica em frente a residência dela começou a pegar fogo, momento em que ele se aproximou do local e ao tocar na árvore que estava energizada recebeu a descarga elétrica, morrendo no local.
Fonte: Fatimanews 13/02

Criança de dois anos morre eletrocutada em Monte Alegre, SE

Um bebê de dois anos de idade morreu eletrocutado na cidade de Monte Alegre de Sergipe, a 156 km de Aracaju(SE).
Segundo informações, a criança que havia tomado banho, ainda estava com o corpo molhado quando colocou o dedo em uma tomada e recebeu uma forte descarga elétrica.
O bebê foi socorrido e encaminhado ao Hospital de Nossa Senhora da Glória (SE), distante 126 km da capital, mas não resistiu aos ferimentos e morreu.
O corpo da criança foi encaminhado ao Instituto Médico Legal em Aracaju.
Fonte: G1 - SE - 13/02

Vereador morre eletrocutado

Na manhã de ontem, 12, em fazenda no município de Arenópolis, uma tragédia subtraiu um membro do Poder Legislativo daquela cidade. Everaldo Barbosa, de 41 anos, que além de vereador, é também dono de uma empresa de transporte de leite, morreu eletrocutado ao lidar com um tanque de resfriamento, no momento em que ia pegar o produto. Sua morte foi instantânea.
Geralmente Everaldo tinha um funcionário que fazia este serviço. Mas naquele dia foi ele quem teve que lidar com o equipamento. Um descuido foi fatal para o vereador. Ele está sendo velado no Salão Comunitário de Arenópolis. Everaldo será sepultado às 10 horas desta manhã de terça-feira, 13. Ele deixa viúva Advânia Moreira da Silva e dois filhos adolescentes.
Fonte: Oeste goiano

segunda-feira, 12 de março de 2012

Fogo destrói casa no bairro Central Parque

Um curto circuito nos fios elétricos da tomada do quarto da casa localiza na rua Tobias Avino, nº 492, bairro, Central Parque, zona oeste de Sorocaba, e que se alastrou pelo colchão, tomando uma rápida proporção e destruindo a residência, é a provável causa do incêndio que assustou moradores e vizinhança do local.
Próximo dessa casa fica o conhecido Bar do Argentino que estava cheio no momento do incêndio, por volta das 18h deste domingo (11). O Corpo de Bombeiros foi chamado e em menos de 20 minutos chegou ao local.
A moradora da residência, Elizabete Teixeira, que se encontrava no local com os três filhos, disse ao BOM DIA, com ar desolado: “infelizmente acabou tudo, perdemos tudo, o fogo se alastrou muito rapidamente.”
O local que pegou fogo é composto por duas casas, na qual a proprietária, Odete, mora na residência do fundo e a inquilina Elizabete Teixeira na casa da frente que pegou fogo.
Os vizinhos ajudaram a retirar os animais de estimação, sofá, uma TV, algumas roupas e o carro da família, no entanto todo o restante foi consumido pelo fogo.
Não houve feridos por causa do fogo, porém uma das filhas que no desespero pulou a janela e caiu em cima do braço ocasionando ferimentos leves
Fonte: Bom dia 12/03

domingo, 11 de março de 2012

Choque mata funcionário de shopping de SP

Um funcionário terceirizado de manutenção no Raposo Shopping, no Butantã, na zona oeste de São Paulo, morreu após receber uma descarga elétrica nesta quarta-feira. A vítima não resistiu depois de ter uma parada cardiorrespiratória.
Duas viaturas do Corpo de Bombeiros chegaram a ser encaminhadas para o local e o caso foi registrado no 34º DP (Distrito Policial).
O shopping afirma que ainda apura o que aconteceu.
Fonte: Band.com.br 07/03

Várzea Grande: homem morre eletrocutado ao tentar furtar fios

Um homem, ainda não identificado, morreu eletrocutado em Várzea Grande, quando tentava furtar fios de cobre. O corpo foi localizado no telhado de um estabelecimento comercial, na região do Zero Quilômetro, por volta das 10h30, desta quarta-feira (7). O Corpo de Bombeiros compareceu ao local e constatou a morte da vítima.
O homem estava deitado em cima do telhado segurando um fusível e um rolo de fios. A Polícia Militar que atendeu o caso antes da chegada da Civil e da Perícia Oficial de Identificação Técnica (Politec) acredita que ele tenha sofrido uma descarga elétrica, no momento em que tentava retirar os fios, e não resistiu. Pelas características da vítima, a polícia trabalha com a hipótese de ser morador de rua ou usuário de drogas.
No entanto, informações sobre o homem só serão conhecidas após sua identificação. O delegado Antônio Garcia da Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) fez a liberação do corpo que foi encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML) de Cuiabá.
Fonte: Sonoticias 07/03

Fogo destrói arquivo em Marechal

O prédio onde funciona o Departamento de Recursos Humanos da Prefeitura de Marechal Deodoro pegou fogo, no início da noite de ontem, destruindo parte da papelada que estava arquivada no local.
A destruição só não foi maior e não comprometeu todo o cadastro de servidores do município porque os vizinhos, ao perceberem o incêndio, começaram a apagar as chamas por conta própria, muito antes do Corpo de Bombeiros chegar à cidade.
O calor foi tão intenso que retorceu as estantes e armários de ferro usados para guardar as pastas com as fichas funcionais dos servidores públicos.
O prefeito de Marechal Deodoro, Cristiano Matheus (PMDB), disse à Gazeta, por telefone, que ainda é cedo para deduzir o que aconteceu no local para desencadear o incêndio. Mas ele suspeita que um curto-circuito na rede elétrica pode ter gerado alguma fagulha em meio a papelada.
“Na semana passada, outras casas situadas na mesma rua registraram quedas bruscas de energia. A prefeitura também já teve prejuízos com isso: já perdemos três ar-condicionado de 3 mil BTUs no centro cultural, máquinas de xerox e computadores”, reclama. “A casa também é muito antiga”.
Segundo o prefeito, antes de encerrar o expediente, os funcionários do local afirmaram ter registrado outra queda de energia. O imóvel abriga as informações dos 1.181 servidores de Marechal
Fonte: Gazeta de Alagoas 08/03

Criança morre eletrocutada dentro de casa em Joaquim Nabuco, PE

Uma criança de 1 ano e 8 meses morreu eletrocutada, na tarde de terça-feira (6), no município de Joaquim Nabuco, na Zona da Mata Sul de Pernambuco, a 120 km do Recife. De acordo com a polícia, a menina estava brincando na sala de casa, no Alto do Campo, bairro da Correção, quando colocou o dedo na tomada e levou um choque elétrico.
A mãe da criança tinha a deixado sozinha para lavar roupas no quintal de casa. Quando entrou na residência, a mulher encontrou a menina morta. Ela prestou depoimento na Delegacia de Joaquim Nabuco, onde um inquérito será instaurado para investigar o caso. O corpo da criança foi liberado do Instituto de Medicina Legal (IML) de Caruaru e deve ser enterrado ainda nesta quarta (7).
Fonte: G1 - Pernambuco - 07/03

Homem morre eletrocutado ao tentar furtar fio de baixa tensão

O corpo de um homem ainda não identificado foi localizado no início da tarde de quarta feira (07) em cima de um telhado de zinco, na região do Zero Quilômetro em Várzea Grande. O desconhecido morreu eletrocutado após tentar furtar fio elétrico de baixa tensão de uma empresa.
Segundo policiais que atenderam a ocorrência, a vítima estava com uma turquesa – espécie de alicate usado para cortar fio – numa das mãos reforçando as suspeitas da tentativa de furto.
O corpo foi encaminhado para o Instituto de Medicina Legal (IML) para exame de necropsia. Os policiais acreditam se tratar de algum andarilho que teria tentado furtar os fios para trocar por entorpecentes.
Fonte: Midia News 08/03

Pedreiro morre eletrocutado em construção

Nesta sexta-feira (09), um pedreiro morreu após sofrer um choque elétrico e cair de cima de um andaime. O acidente aconteceu na cidade de Sousa, na Paraíba. Segundo a Polícia Militar, o homem de 39 anos estava fazendo o reboco de uma parede em um prédio em construção.
A descarga elétrica teria ocorrido quando a régua de alumínio que ele utilizava encostou em um fio de alta tensão. Com o choque, o pedreiro caiu de uma altura de cinco metros. Quando o resgate chegou, o homem já estava morto. As Polícias Civil e Militar esperam o resultado da perícia para investigar se houve algum problema com os equipamentos de segurança utilizados pelo trabalhador.
Fonte: Bem Paraná 09/03

Aulas são suspensas após incêndio em escola no bairro do IAPI

As aulas estão suspensas no Colégio Estadual Helena Celestino Magalhães, localizado no bairro do IAPI. Um pequeno incêndio, provocado por um curto-circuito, atingiu o depósito da escola por volta das 4hh40 desta sexta-feira (9).
Em nota, a Secretaria da Educação do Estado da Bahia informa que direção da escola relatou que, no local, estavam móveis em desuso e material de escritório. Não há previsão para o retorno das aulas.
Uma equipe da Secretaria da Educação foi enviada ao local para avaliar os danos. Ninguém ficou ferido.
Fonte: Correio 24horas 09/03

Curto-circuito assusta clientes no Eldorado em SP

Um curto-circuito no Shopping Eldorado, na Zona Oeste de São Paulo, assustou clientes que estavam na praça de alimentação do estabelecimento. O fato ocorreu no começo da tarde deste sábado (10) e duas viaturas do Corpo de Bombeiros tiveram de ser deslocadas para conter o princípio de incêndio.
Em nota, a assessoria de imprensa do shopping informou que a energia elétrica foi suspensa por questões de segurança. Eles ainda negaram que não houve explosões e que o curto-circuito teve início na fiação instalada sob o gesso próximo ao Cinemark, no terceiro andar.
Apesar do susto, não houve feridos.
Fonte: JCnet 10/03

quarta-feira, 7 de março de 2012

Trabalhador morre eletrocutado em shopping de SP

Um trabalhador que realizava trabalhos de manutenção no Raposo Shopping, que fica no Butantã (zona oeste da capital), morreu na manhã desta quarta-feira (7) depois de receber uma descarga elétrica e, na sequência, sofrer uma parada cardíaca, de acordo com informações do Corpo de Bombeiros.O shopping fica na altura do km 14 da Rodovia Raposo Tavares. Policiais militares estiveram no shopping para preservar o local à espera da perícia. * Com informações do G1
Fonte: Diário de SP 07/03

Homem morre eletrocutado ao tentar furtar cabos do metrô; estação Maracanã fica sem luz

Um homem morreu eletrocutado quando tentava furtar cabos de energia da estação do metrô Maracanã, zona norte do Rio, por volta de 5h20 desta terça-feira (6). Por conta do incidente, a energia da estação foi desligada.
Segundo a assessoria de imprensa do MetrôRio, concessionária que administra o serviço, o homem pulou o muro para acessar a área interna da estação e recebeu a descarga elétrica.
Os sensores deram o alarme e equipes da concessionária foram ao local. O ladrão, desmaiado, foi levado para o Hospital Souza Aguiar, mas não resistiu aos ferimentos.
Por volta das 8h15, a energia já tinha sido restabelecida e a circulação das composições estava normal, segundo a empresa.
Fonte: R7.com 06/03

Raio mata menino que estava dentro da casa da avó em MS

Mato Grosso do Sul e Alagoas – O menino Leandro Jaques da Silva, 9 anos, morreu, ontem, ao ser atingido por um raio quando estava na casa de sua avó, no Bairro São Simão, em Várzea Grande, na região metropolitana de Cuiabá. A mãe da criança, Sandra Jaques Sobrinho, disse que a descarga elétrica atingiu a fiação de energia da residência. “A minha mãe falou para ele vestir uma camisa, ele foi ao banheiro e acabou sendo atingido pelo raio”. Segundo ela, logo após o ocorrido o menino ainda foi levado para um hospital: “Quando cheguei lá os médicos estavam tentando reanimá-lo, mas não conseguiram. Ele era uma criança ativa e sempre foi muito querida”.
Já na cidade alagoana de Santa Ipanema, quatro homens armados invadiram a casa da prefeita Renilde Bulhões, renderam seu marido, o ex-presidente do Tribunal de Contas do Estado, Isnaldo Bulhões, e mais quatro pessoas que estavam na residência. O assalto aconteceu, na noite de sábado, e o bando fugiu levando celulares, joias e dinheiro, depois de amarrar as vítimas e prendê-las em vários cômodos da residência. Os bandidos estacionaram um carro na frente da casa da prefeita, entraram no imóvel e anunciaram o assalto. Após perceberem que os ladrões foram embora, as vítimas conseguiram sair dos quartos e acionar a Polícia Civil local que ainda não tem pistas dos criminosos.
Fonte: Jornal Coletivo

segunda-feira, 5 de março de 2012

Homem morre eletrocutado após encostar em banca de roupas do comércio de Penedo

Um homem ainda não identificado, de aproximadamente 30 anos de idade, morreu eletrocutado na tarde desta segunda-feira, 05 de março, nas imediações da Praça Costa e Silva, localizada no centro da cidade de Penedo. As informações preliminares dão conta de que a vítima recebeu a descarga elétrica após encostar em uma banca de roupas por volta das 15h30min.
Provavelmente a vítima estava molhada já que desde as primeiras horas da manhã de hoje, uma forte chuva tem castigado toda a região do Baixo São Francisco. Policiais do 11º Batalhão de Polícia Militar estiveram no local apurando os fatos desse trágico acontecimento.
Populares que trabalham na Praça Costa e Silva contaram à polícia que desde cedo as bancas, que são de metal, estavam dando choque. Devido ao acidente, a energia da área teve que ser desligada até que o problema na rede elétrica fosse solucionado.
Fonte: AquiAcontece 05/03

Loja de móveis fica destruída por incêndio em Cubatão

Um incêndio de médias proporções destruiu na manhã desta segunda-feira o Magazine Rico, uma loja de móveis localizada na Avenida Nove de Abril, 2.359, em Cubatão. Não houve vítimas.
O fogo, que segundo se suspeita teria sido originado em um curto-circuito, ocorreu por volta das 10 horas e foi controlado pelo Corpo de Bombeiros de Cubatão em meia hora. Mas o rescaldo prolongou-se até as 12 horas. A pronta ação dos 16 bombeiros, com apoio de três viaturas, impediu que o incêndio atingisse prédios vizinhos.
Parte da via, uma das principais da Cidade, precisou ser interditada para controlar a passagem de populares e curiosos que acompanharam de perto os trabalhos de extinção das chamas, seguido do rescaldo.
O imóvel e as mercadorias tiveram perda total. As causas estão sendo investigadas pela perícia técnica na Delegacia de Cubatão.
Fonte: Jornal a Tribuna 05/03

Com ligações improvisadas, relógio de luz pega fogo e derrete no Leme

Uma bomba-relógio no Leme. Com ligações improvisadas e sustentado por arames e madeira, um medidor de luz derreteu após pegar fogo em um poste da orla de Copacabana, local frequentado por milhares de pessoas. Um outro, que fica ao lado, se manteve intacto. O leitor Carlos Alberto Rego vêm acompanhando há meses as más condições dos relógios de luz daquela área: “Eles podem ainda estar energizados e provocar uma morte. Além de serem uma verdadeira aberração estética”. Especialistas concordam quanto ao risco para os banhistas, mas a Light descarta perigo de choques, pois o fornecimento de energia foi interrompido.
A concessionária de energia afirma que uma sobrecarga provocou o princípio de incêndio. Segundo a empresa, as instalações criticadas pelo leitor não têm relação com o incidente. Um técnico da Light esteve no local e adotou os procedimentos de emergência necessários, interrompendo o fornecimento de energia. A empresa recomendou ao cliente uma nova montagem do padrão de instalação, que deverá estar de acordo com as Normas Técnicas da Light (RECON-BT). Somente após a preparação do local, a Light fará vistoria para aprovação do local e reativar o serviço.
As alterações devem ser feitas rapidamente para evitar riscos aos banhistas, alerta o conselheiro do Crea-RJ, Luiz Antônio Cosenza, presidente da Comissão de Análise e Prevenção de Acidentes. Segundo ele, se uma pessoa encostar no equipamento energizado, poderá sofrer um choque fatal. Isso porque o corpo molhado e salinizado se transforma em um potente condutor de eletricidade. Ele destaca, ainda, que os materiais utilizados no improviso não são ideais, como o arame envolto nos relógios, por ser um condutor, e o saco plástico, por ser inflamável.
“É inadmissível que uma estrutura precária como essa esteja numa praia. É um absurdo. Não podemos tomar providências só quando um acidente acontece. Esses relógios precisam ser transferidos para uma área fechada, sem acesso do público”, recomeda Cosenza.
Na última semana, o Eu-repórter mostrou três caixas elétricas sem cabos de isolamento na Praça Cuauhtémoc, ao lado do Aterro do Flamengo, e ameaçavam a tranquilidade dos frequentadores da área de lazer.
A solicitação de ligação nova pode ser feita em uma das Agências Comerciais da Light (endereços disponíveis no site da Light) ou pela Agência Virtual, também no site www.light.com.br.
Fonte: O Globo -EU Reporter

sexta-feira, 2 de março de 2012

Em MS, jovem leva choque enquanto ouvia músicas no computador

As dores na orelha esquerda são sequelas de um choque que o estudante Reynaldo Francisco de Senna, de 16 anos, levou no último sábado (25) em . Ele usava fones de ouvido e curtia músicas em casa, no computador, quando recebeu a descarga elétrica.
"Lembro que tirei um dos lados do fone e, quando fui tirar o outro, a visão retorceu e eu apaguei. Acordei minutos depois, já na cama, com a orelha esquerda ardendo e cheirando a fio queimado", relata o estudante. No dia do incidente, havia uma tempestade se aproximando do bairro Chácara dos Poderes, onde o adolescente mora com os avós. Ele afirma que as quedas de raios são bastante comuns na região.
Reynaldo foi socorrido por familiares e levado ao posto de saúde, onde recebeu os primeiros socorros. Ele conta que, após o choque, sentiu-se assustado e agitado. Na unidade de saúde, a pressão arterial aferida chegou a 22 por 10. "Disseram que eram efeitos normais de um choque como esse, pois a eletricidade atravessa o corpo e pode levar à arritmia ou até mesmo parada cardíaca", explica Ricardo. Nas horas seguintes, o estudante ainda sentia tonturas, dores de cabeça e ardência na orelha.
O procurou um especialista para falar sobre os riscos a que o adolescente foi exposto com a descarga elétrica no ouvido. Para o otorrinolaringologista Renato Martins, as consequências para a saúde são proporcionais ao nível de intensidade da corrente elétrica à qual o jovem foi submetido.
"Há situações em que o choque não causa nenhum efeito, se a corrente for leve e ocorrer em um curto espaço de tempo. Mas, dependendo da intensidade, podem restar zumbidos ou lesões no ouvido médio, se o fone serviu como condutor da eletricidade", comenta. Apesar do risco, o médico diz que a situação não deve ser motivo para pânico entre aqueles que ouvem músicas com fones de ouvido.
Reynaldo diz que é a terceira vez que leva choque em casa. Em nenhuma das ocasiões ele usava chinelos ou tênis. E foi essa a principal recomendação do médico que o atendeu no posto de saúde: andar sempre com calçados, mesmo dentro de casa. "Não gosto muito, mas tenho de usar chinelo a toda hora. E agora quero comprar um home theater, para deixar os alto-falantes bem longe", completa.
Fonte: Portal MS 1/3

Estudante morre eletrocutado durante poda de árvore

O estudante Wellington Medeiros Vieira, 17 anos, morreu eletrocutado, após sofrer uma descarga elétrica, durante a poda de uma árvore, no sítio São José, zona rural de Cáceres. O acidente aconteceu às 15h da última quarta-feira. Wellington foi orientado a podar um pé de teca que crescia próximo a rede elétrica. De posse de um facão ele começou o trabalho.
A família suspeita que, talvez por descuido, o estudante tenha encostado a ferramenta no fio. Ao sofrer a descarga Wellington despencou de uma altura, de aproximadamente, cinco metros. Ele foi encontrado por um vizinho ainda com vida. Mas, em seguida, morreu antes mesmo de receber atendimento médico.
Wellington, conforme a família, havia concluído recentemente, o ensino médio e se preparava para prestar concurso vestibular, na Unemat, nos próximos dias. Outro sonho do jovem, segundo uma prima, era servir ao Exército, no qual já havia, inclusive, se alistado. O sepultamento da vítima acontece às 16h desta quinta-feira, no cemitério São João Batista.
Fonte: 24 horas news 02/03

Adolescente morre eletrocutada ao tocar em refrigerador no Sertão da PB

Uma adolescente de 16 anos morreu ao sofrer uma descarga elétrica dentro de casa no município de Patos, Sertão paraibano, na terça-feira (28). De acordo com o Corpo de Bombeiros da cidade, a garota tentava alcançar uma faca que havia caído embaixo do refrigerador. O caso aconteceu em uma chácara localizada na comunidade Barragem de Farinha.
Segundo os bombeiros, as pessoas que estavam na vizinhança disseram ter escutado um grito e correram até a cozinha para ver o que havia acontecido. O irmão da adolescente ainda tentou tocar nela, mas também sentiu um choque. As testemunhas teriam tentado reanimá-la e a levaram para um hospital, mas a garota já chegou morta.
O Corpo de Bombeiros informou que enviou uma equipe ao local para avaliar a situação e constatou que adolescente sofreu o choque apesar do fio terra do refrigerador estar instalado corretamente. De acordo com o tenente Marcílio Sobral, a principal suspeita é de que o choque tenha sido provocado por um fio que estava desencapado. O corpo foi encaminhado ao Núcleo de Medicina Legal de Patos e liberado após exames. O órgão tem um prazo de 10 dias para emitir o laudo confirmando a causa da morte.
Fonte: G1-Pb 29/02